quarta-feira, 26 de junho de 2013

Efeitos da Massagem Transversal Profunda. - Técnica de Cyriax


>





     Trata-se de uma técnica de massagem aplicada transversalmente, com a intenção de manter ou restabelecer a mobilidade normal em uma estrutura atingida, ou ainda, retomar a função. Após uma lesão muscular ocorre formação de tecido cicatricial, podendo resultar em adesões entre as fibras musculares, causando dor quando o músculo se contrai. Da mesma forma, tendões e ligamentos podem ser lesados, resultando em uma cicatriz inflamada e aderência do ligamento à superfície óssea. Todos esses fatores podem levar a perda de função, dor e limitação para as atividades do cotidiano. A massagem transversa profunda é utilizada para quebrar essas adesões, permitindo aos músculos, ligamentos e tendões tratados readquirir a função normal e sem dor.

     A massagem transversa profunda não guarda qualquer relação com a massagem convencional e tem como princípio básico o realinhamento dos tecidos moles após lesão músculo-tendineo-ligamentar.

     A pressão contínua e profunda nos tecidos causa uma certa lesão local e libera uma substância similar à histamina, chamada substância H, e outros metabólicos que atuam diretamente nos capilares e arteríola no local, causando uma vasodilatação. A resposta irá depender da profundidade da manipulação e da duração da aplicação. A vasodilatação local promove um aumento do liquido tecidual na área, o que provocará distensão local. Com efeito, o movimento produz uma inflamação controlada da área alvo e, ao mesmo tempo, mobiliza as estruturas que não estavam tendo uma boa mobilidade.

     A massagem transversa profunda, juntamente com outras intervenções em um programa terapêutico planejado são úteis no tratamento das lacerações musculares, lesões musculotendinosas, tendinites e rupturas tendinosas parciais (lacerações tendoperiósticas), tendossinovites, torções ligamentares, endurecimento de áreas subcutâneas e tecido cicatricial.

    
CONTRA-INDICAÇÃO

     As principais contra-indicações para as fricções profundas são semelhantes a outros movimentos de massagem, sobretudo os que envolvem a aplicação de uma pressão significativa sobre os tecidos. Entre elas podemos citar:

>> Lacerações musculares agudas (sobretudo hematomas intramusculares);
>> Articulações agudamente inflamadas;
>> Doenças de pele (sobretudo dermatite aguda, psoríase, ou qualquer infecção cutânea comunicável) na área a ser tratada;
>> Vasos sanguíneos lesionados ou enfermos (sobretudo tromboflebite e trombose de veia profunda) na área a ser tratada;
>> Neoplasia ou tuberculose na área a ser tratada ou em suas proximidades;
>> Infecções bacterianas na área a ser tratada, ou em suas proximidades, sobretudo infecções articulares


Você conhece o nosso Drive Virtual de Conteúdo? Clique aqui e conheça!

Comente:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comment

facebook

Outros Posts de Terapia Manual


Receba no seu Email:

Todos os posts deste blog